Hospitais fluminenses batem recorde em captação de órgãos em 2021

- Publicidade -

Os hospitais estaduais Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro; Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias, Baixada Fluminense; e Roberto Chabo, em Araruama, Região dos Lagos, bateram recorde, juntos, de órgãos, tecidos e ossos captados e enviados à Central Estadual de Transplantes, nos últimos onze meses. Foram mais de 373 órgãos captados, entre eles 15 corações, que beneficiaram mais de 600 pessoas.

Os três hospitais são administrados pelo Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde (Ideas), em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), e estão entre as primeiras unidades do estado do Rio de Janeiro em captação de órgãos. Unidades de urgência e emergência, os hospitais são especializados no socorro a pacientes com múltiplos traumas. A informação foi divulgada hoje (2) pelo núcleo de imprensa do governo fluminense.

Por Agência Brasil 

Related Articles