Erosão na cabeceira da ponte sobre o Tarauacá avança e pode isolar municípios

    Por

    Por Gilson Amorim

    Sem uma solução prática por parte do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), a população de Tarauacá e municípios vizinhos podem ficar isolados de Rio Branco nos próximos dias. A erosão sobre a cabeceira da ponte da terra do abacaxi gigante ameaça novamente.

    Nesta quinta-feira (6) foi registrado desmoronamento do barranco, destruindo parte do trecho da rodovia federal BR-364. A situação é preocupante e pode piorar ainda mais a vida das milhares de famílias que residem na regional do Tarauacá-Envira e Vale do Juruá.

    Extra do Acre