Braço forte da facção que atua no Juruá é preso em Cruzeiro do Sul

0
73

Por Gledson Albano , jurua24horas.com.br 

Agentes da polícia civil prenderam na manhã desta terça-feira, 11, Adailton de Almeida Costa, de 37 anos, um dos conselheiros da organização criminosa que age na região do Juruá. O homem, de acordo com o delegado Heverton Carvalho, era foragido. Estava com um mandado de prisão em aberto desde o início do ano passado. 

“A investigação da polícia civil já vinha procurando esse indivíduo com um tempo. Aproximadamente 1 ano que a gente vinha na investigação, no encalço dele, chegamos em uma oportunidade de prendê-lo, chegamos a ir a um local onde ele estava escondido, mas ele teve êxito conseguiu fugir naquela oportunidade, mas a investigação seguiu, continuou e hoje pela manhã conseguimos prender o criminoso”, disse o delegado.

Segundo o delgado, Adailson de Almeida conhecido no mundo do crime como “Maori” ou “Dadi” tem um grau hierárquico um nível de importância muito grande dentro do comando vermelho na região. 

“Ele tinha o papel de conselheiro aqui. No ano passado a gente desencadeou a operação “Reditus”, na operação houve a prisão de alguns conselheiros da organização criminosa, naquela oportunidade, quando saem de cena esses indivíduos outros ascendem, então como aqueles indivíduos foram presos ele havia ascendido à posição de conselheiro e hoje a polícia civil, graças a investigação eficiente, conseguiu prender ele”, acrescentou Carvalho.

O cumprimento da prisão contou com a participação de seis agentes devido à importância da prisão. Ainda segundo a polícia o criminoso não esboçou reação. Herverton Carvalho ressaltou que o trabalho de investigação e combate ao crime organizado continua.