Prefeito de Pilar, em Alagoas, decide pagar contas e religar energia para os mais pobres

0
89

Por Diário do Poder 

Um dia após o IBGE revelar que a economia brasileira recuou 0,1% no terceiro trimestre de 2021, a prefeitura da cidade alagoana de Pilar, a 25km de Maceió, decidiu quitar as contas vencidas de energia elétrica de todas as famílias do município em situação de vulnerabilidade social.

O anúncio foi feito pelo próprio prefeito, Renato Filho, nesta sexta-feira (03), através de suas redes sociais. Sua gestão soma mais de 90% de aprovação, uma das maiores do país.

“Já que estamos no Natal Luz [Pilar foi especialmente decorada para as festividades natalinas], quem estiver com a conta de energia em atraso e que, por isso, teve a luz cortada, pode procurar a Prefeitura do Pilar para quitar as faturas vencidas. Não vamos deixar ninguém passar o Natal no escuro”, afirmou o prefeito.

Há anos, a gestão do prefeito Renato Filho já se responsabiliza pelo pagamento mensal das contas de água e energia para famílias em estado de extrema pobreza.

Quem teve o fornecimento interrompido por falta de pagamento deve comparecer à sede da Prefeitura portando, além da fatura da concessionária de energia elétrica, um documento de identificação.

O auxílio prestado aos moradores é decorrente de lei municipal sobre os chamados benefícios eventuais, que visam o atendimento imediato de necessidades humanas básicas decorrentes de contingências sociais.

No Pilar, a lei também inclui outras iniciativas como os programas Prato Cheio e Bolsa Viva Bem – que consiste na transferência de renda direta para pessoas de baixa renda, já tendo assistido, desde 2017, cerca de 12 mil pilarenses, cada um recebendo R$100 mensais.