Moto guardada por 34 anos em SP permanece 0 km e é proibida de rodar

- Publicidade -

Por Alessandro  Reis, do UOL 

Na segunda metade dos anos 1980, a Honda CB 450 era sonho de consumo dos entusiastas de motocicletas no Brasil, antes da abertura do mercado aos modelos importados. Um exemplar de 1987 permanece zerado, com apenas 44 km rodados no painel, após passar décadas estacionado em uma garagem da capital paulista.

Exibindo pintura, grafismos e mecânica originais, a CB 450 TR foi garimpada há cerca de um mês pelo negociante de veículos antigos e pouco rodados Reginaldo Gonçalves, o Reginaldo de Campinas. A moto vermelha aguarda por um novo dono, embora não possa rodar em vias públicas.

- Publicidade -

Gonçalves explica que a CB recebeu placas amarelas e, para ser emplacada no padrão atual, teria de passar por uma atualização cadastral.

“Precisa fazer o pedido ao Detran Departamento Estadual de Trânsito] e o processo é caro e demorado. Acredito que daria muito trabalho para depois não usar a moto. Ela é zero, tem de preservá-la assim. Ficaria bem como peça de decoração na sala de casa”, opina Reginaldo, que prefere não divulgar o valor que pretende receber.

Related Articles