Hotel Maksoud Plaza fecha as portas em São Paulo

- Publicidade -

Após 42 anos de atividades, um dos mais tradicionais hotéis de São Paulo, o Maksoud Plaza, fechou as portas, nesta terça-feira (7). O processo de recuperação judicial iniciado no ano passado foi concluído, e a localização próxima à Avenida Paulista será abandonada.

De acordo com a assessoria do hotel, a marca será mantida e deve anunciar novos empreendimentos em breve. Os clientes que tinham reservas futuras no Maksoud Plaza serão reembolsados.

O anúncio do fechamento foi feito em conjunto pela HM Hotéis, administradora do hotel, e pela Hidroservice Engenharia, sua controladora.

- Publicidade -

Em setembro de 2020, a HM Hotéis deu entrada em um pedido de recuperação judicial.

De acordo com a empresa, em 2011, o prédio do hotel e seu terreno já tinham sido arrematados em leilão da Justiça do Trabalho para pagamento de dívidas trabalhistas, mas o processo estava suspenso.

Nesta segunda (6), houve um acordo com os empresários que venceram o leilão e o processo de recuperação judicial foi concluído.

“A crise sanitária causada pela Covid-19 teve enorme impacto sobre os setores de hospitalidade. O Maksoud Plaza ficou fechado pela primeira vez em sua história entre março e setembro de 2020. Isso causou prejuízos que superam R$ 20 milhões”, informou em nota a assessoria do hotel.

O comunicado destacou que os setores hoteleiro e do turismo só têm previsão de recuperação da pandemia para 2023. “O fechamento do hotel se dá em momento oportuno, dada a necessidade de reestruturação financeira do grupo ao qual pertence, afetado por dívidas herdadas de empresas extintas”, complementou.

Por CNN Brasil

Related Articles