Caso Gedeon: após mais de cinco meses, assassinato de ex-prefeito no Acre segue sem solução

- Publicidade -

Por Iryá Rodrigues e Alcinete Gadelha, G1 AC — Rio Branco|

á se passaram mais de cinco meses e o assassinato do ex-prefeito de Plácido de Castro, Gedeon Sousa Barros, de 52 anos, segue sem um desfecho.

Barros foi morto a tiros na manhã do dia 20 de maio, no bairro Santa Inês, no Segundo Distrito de Rio Branco. Dois homens chegaram em uma moto e executaram o ex-gestor, fugindo em seguida para o bairro Belo Jardim, onde se concentraram as buscas da polícia, na época.

- Publicidade -

g1 tentou atualizar como está o andamento da investigação, mas o responsável pelo caso, delegado Marcus Cabral, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), se limitou a dizer que não tinha informação. A reportagem também tentou contato com a viúva, Lúcia Barros, mas não obteve retorno.

Em julho deste ano, o delegado informou que estavam sendo apuradas várias linhas de investigação e que ele não podia passar mais informações porque o processo corre em segredo de Justiça.

Gedeon Barros foi assassinado no dia 20 de maio. Viúva Lúcia Barros pede por justiça — Foto: Reprodução
Gedeon Barros foi assassinado no dia 20 de maio. Viúva Lúcia Barros pede por justiça — Foto: Reprodução

Related Articles