Candidatura de ministro de Bolsonaro preocupa grupo de ACM Neto

- Publicidade -

Por Igor Gadelha, Metrópoles|

A possível candidatura ao governo da Bahia do ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos), tem preocupado o grupo do ex-prefeito de Salvador e atual presidente nacional do DEM, ACM Neto.

Segundo aliados de Neto, o temor é de que Roma “roube” votos do ex-prefeito, que também pretende ser candidato a governador da Bahia nas eleições de outubro do próximo ano.

- Publicidade -

Integrantes do grupo político de Neto ressaltam que, desde que o nome de Roma passou a ser testado, o ex-prefeito tem diminuído sua vantagem nas pesquisas de intenção de voto.

Neto é considerado o padrinho político de Roma. O atual ministro de Bolsonaro chegou a ser chefe de gabinete do presidente do DEM na Prefeitura de Salvador.

Os dois, no entanto, romperam politicamente em fevereiro deste ano, após Roma ser nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro para o comando do Ministério da Cidadania.

Related Articles