Modelo flagrada em festa nos Jardins, em SP, grita ‘vai pra favela’ a policiais; depois, admite ‘ter errado’

- Publicidade -

Um vídeo gravado durante ação de força-tarefa do estado em uma festa clandestina com mais de 500 pessoas em uma mansão nos Jardins, região nobre de São Paulo, na madrugada deste domingo (11), mostra a modelo e influenciadora Liziane Gutierrez gritando com policiais que participaram da operação. Sem máscara, ela diz no vídeo para eles irem “para a favela” (veja vídeo acima).

A festa teve apresentação da dupla sertaneja Matheus e Kauan, que afirmou em nota que o contrato do evento previa que fossem seguidas normas da Vigilância Sanitária (leia mais ao final da reportagem).

As imagens mostram que, durante a operação, Liziane começou xingando os policiais e o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP). “Vocês são uns merdas, sabe por quê? Alexandre Frota assediou todo mundo nessa porra”, disse.

- Publicidade -

Depois, Liziane fala para os policiais irem para a favela. “Vai tomar conta de quem torra. Vai pra favela, caralho. Vai pegar na favela, e vocês assumem”.

Em sua conta no Twitter, Frota mostrou o vídeo e disse que a “mulher ficou descontrolada, sem máscara às 2h da madrugada, aglomerando, bebendo e resolveu xingar a Força Tarefa”.

À TV Globo, a Polícia Civil disse que não autuou a modelo por desacato.

G1 procurou Liziane e aguarda posicionamento. Em post no Instagram, a modelo, que tem mais de 500 mil seguidores, se pronunciou:

“Eu sou sincera, sempre fui e sempre vou ser; tô mal com essa situação por ter errado e por ter vídeos fora do contexto. Hoje 19:00 vou fazer uma live e a gente conversa, deixem eu me explicar, depois vcs me criticam”, declarou ela.

Antes da publicação admitindo o erro, a influencer havia feito uma outra postagem no Instagram endereçada ao deputado Alexandre Fronta dizendo “antes de apontar os erros alheios olhe para os seus”.

Por G1

Related Articles