Mais um suspeito de matar adolescente de 14 anos grávida de 8 meses é preso no interior do Acre

- Publicidade -

O quinto investigado na morte de uma adolescente de 14 anos, que estava grávida de 8 meses, foi preso pela Polícia Civil de Mâncio Lima, interior do Acre, nesta terça-feira (13). A polícia procurava pelo suspeito desde novembro de 2019, quando a menor teve a casa invadida e foi morta a tiros no município.

Segundo a polícia, outros quatro suspeitos já estão presos. A motivação do crime, que também foi apontado pela família na época, foi porque os criminosos acharam que o companheiro da adolescente era de uma facção rival. Durante a invasão à residência, o namorado da menor chegou a ser atingido pelos disparos, foi levado para o Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul, e sobreviveu.

O casal estava em casa dormindo quando o grupo chegou e atirou. A adolescente e o bebê morreram antes da chegada da ambulância.

- Publicidade -

Em junho de 2020, a polícia prendeu um rapaz de 22 anos também por envolvimento no crime. Além da morte da adolescente, o suspeito era procurado também pelo assassinato de Francisco Diemerson da Silva Cruz, morto a tiros em novembro de 2019, também em Mâncio Lima.

Ao G1 nesta terça, o delegado José Obetâneo dos Santos, explicou que o último suspeito procurado estava escondido em Cruzeiro do Sul. A polícia iniciou uma caçada por ele na segunda (12), o rapaz fugiu para Mâncio Lima e foi preso.

“Desse homicídio acabamos, mas são suspeitos em outros crimes, que estamos apurando. Começamos a diligência ontem e se encerrou nesta terça. Fugiu de Cruzeiro do Sul para Mâncio Lima. Só falta juntar a prisão aos autos e encaminhar para o Judiciário. Ele negou, sempre negam. Foram para matar o companheiro, achavam que eram de uma facção, que tinha chegado de Porto Walter”, complementou.

Por G1

Related Articles