Lula e Bolsonaro desdenham de terceira via para eleições de 2022

- Publicidade -

O presidente Jair Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva desdenharam, ontem, da possibilidade de surgimento de um candidato de terceira via para a corrida ao Palácio do Planalto, em 2022.

“Não existe terceira via, não vai dar certo, não vai atrair a simpatia da população”, disse Bolsonaro, na manhã de ontem, em entrevista à Rádio Itatiaia. Segundo o presidente, a disputa será entre ele e Lula.

Já o petista, em conversa com rádio Jovem Pan de Sergipe, explicou que “a terceira via é uma invenção dos partidos que não têm candidato. Falam em polarização… o que tem de um lado é democracia e do outro é fascismo. Quem está sem chance usa de desculpa a tal da terceira via. Seria importante que todos os partidos lançassem candidato e testassem sua força”, desafiou.

- Publicidade -

As opiniões de Lula e de Bolsonaro contra a terceira via fizeram com que os governadores de São Paulo, João Doria, e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite — que são pré-candidatos à Presidência da República pelo PSDB —, fossem ao Twitter criticá-los. “Ninguém chuta cachorro morto. Se não existe terceira via, não sei porque Lula e Bolsonaro estão se preocupando. Depois do tanto que já nos foi roubado, querem agora roubar a nossa esperança”, reclamou Leite.

“O sonho do Lula é disputar eleição apenas com o Bolsonaro. O sonho do Bolsonaro é disputar eleição apenas com o Lula. E o sonho dos brasileiros é que os dois percam a eleição. Não adianta serem contra, a melhor via devolverá a esperança aos brasileiros”, reforçou Doria.

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-ES) também criticou Bolsonaro e Lula. “Os ataques à terceira via só reforçam a necessidade de construir uma. Mas ela deve partir não de projetos personalistas, mas sim da identificação de pautas que não são representadas por nenhum dos dois. O Brasil precisa urgentemente de um projeto de país”, reforçou.

Já o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, que busca a filiação do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para ser o candidato do partido à Presidência, disse que os partidos que buscam uma terceira via não devem desanimar com os comentários de Lula e Bolsonaro. “Independentemente da quantidade de candidaturas, não vamos olhar para o lado, e sim para a frente. Conversando com o eleitor, levando nossas propostas e mostrando que temos um time que representa a renovação”, observou.

Por Correio Braziliense

Related Articles