domingo, abril 11, 2021

Na pior crise da pandemia, governo Gladson deixa Feijó sem ambulância

Sem ambulância no Hospital Geral de Feijó, homem precisou ir de cadeira de roda para receber atendimento.

Matéria na íntegra do site Folha de Feijó

Na madrugada de domingo para segunda por volta das 12:00 horas ,familiares de G.v.L , 75 anos , morador do Bairro esperança, solicitaram ajuda  para levar o idoso que está com covid-19 até o HOSPITAL GERAL DE FEIJÓ .

Infelizmente após tentativas nao foi possível ir atender o paciente , segundo o filho André o mesmo foi informado que a ambulância estaria “quebrada” , e não seria possível ir Buscar o idoso ,segundo André ele  ainda tentou pedindo ajuda dos Bombeiros e Polícia mais nao foi possível atender a ocorrência 

Diante da situação os filhos tomaram a decisão de levar o idoso que é deficiente em uma cadeira de rodas , essa cadeira o mesmo ultilizou para tomar banho e fazer suas necessidades. 

Veja a matéria e vídeos

https://www.folhadefeijo.com.br/2021/03/em-feijo-por-falta-de-ambulancia-no.html?m=1

Popular