Com aulas presenciais paralisadas, Prefeitura aproveita para reformar escolas em Cruzeiro do Sul

- Publicidade -

Mesmo com um ano atípico para a educação, em decorrência da pandemia do novo coronavírus, onde as aulas presenciais no Estado do Acre estão paralisadas desde março de 2020, a Prefeitura Municipal de Cruzeiro do Sul, através da Secretaria Municipal de Educação, vai iniciar a reforma de várias escolas rurais e urbanas, com o objetivo de melhorar esses espaços para o início do ano letivo, previsto o mês de maio.

Os obras terão início na próxima semana nas escolas Quirino Nobre, creche Irmã Diana e creche Beija-flor, onde o vento arrancou todo o telhado, após uma ventania no final de dezembro. Outra importante obra que será realizada é a continuação da construção da creche do bairro do Miritizal, que está parada há vários anos, e atenderá toda a a demanda do bairro.

- Publicidade -

A Secretaria de Educação tem mantido um planejamento de limpeza, reformas e reparos nas mais de 108 escolas do município, principalmente com serviços de roçagem nas instituições mais distantes do centro urbano. Além disso, foram reconstruídas as escolas do ramal do Darcy, no ramal 02 e no Lago do Tapirí. Outras reformas já estão sendo planejadas em todas as regionais, para iniciarem em fevereiro.

O secretário de Educação, Amarísio Saraiva, destacou a importância de realizar os serviços de manutenção nas unidades escolares durante este período.
“Estamos com todo um planejamento para os próximos 100 dias. Já fizemos reformas em escolas rurais e estaremos iniciando a limpeza e roçagem de nossas escolas para proporcionarmos o melhor ambiente a todos os alunos. Temos três escolas que iniciaremos a reforma agora em fevereiro, as creches Beija-Flor, Irmã Diana e a Quirino Nobre. Além da creche do Miritizal que vamos recomeçar sua construção nos próximos 45 dias”, disse Amarísio.

Related Articles