domingo, abril 11, 2021

Derrotados nas urnas, coligação liderada por Abdias da Farmácia pede impugnação de Maria Lucinéia e Maranguape

A coligação Juntos Faremos Melhor, integrada pelos PSDB e Democratas, cujo candidato a prefeito foi Abdias da Farmácia , ingressou com uma ação na Justiça Eleitoral pedindo a impugnação do mandato  eletivo  dos candidatos que venceram a disputa pelo executivo: Maria Lucinéia ( PDT) e Maranguape ( PSD), prefeita e vice, respectivamente. 

A denúncia é baseada num vídeo que supostamente, demonstram, populares recebendo combustível no posto balsa Pontão Figueiredo, de propriedade do senhor Jonh de Brito Figueiredo, que por coincidência é sobrinho do candidato a vice-prefeito na chapa dos Requeridos. 

Baseado nos vídeos, a coligação Juntos Faremos Melhor pede: 

A suspensão da Diplomação dos Requeridos em sede de tutela antecipada, conforme fundamentado; b) Sejam os Requeridos notificados para apresentar defesa, querendo, no prazo legal; c) O envio da presente ao Ministério Público Eleitoral para instauração do procedimento cabível; d) O deferimento das diligências solicitadas, vez que indispensáveis para a demonstração do ilícito criminal, conforme já justificado no tópico especifico; e) Ao final, no mérito, seja confirma a tutela antecipada, caso deferida, e julgada procedente a presente demanda, com a cassação do diploma dos Requeridos ante a prática do ilícito previsto no artigo 41-A da Lei Lei 9.504 de 30 de setembro de 1997, conforme fundamentado.

Popular