terça-feira, dezembro 1, 2020

Liderado pelo deputado federal Jesus, família Sérgio sai fortalecida nas eleições de 2020

Quando temos mais de membro de uma mesma família na política, há sempre o mentor e líder do grupo, isso significa dizer, quando alguém vence ou perde,  o mérito ou culpa são atribuídos ao líder do clã. No tocante ao tema, dos grupos familiares quem mais saiu fortalecido foi o do deputado federal  Jesus Sérgio (PDT). Cujo reduto eleitoral é predominante na região de Tarauacá/Envira. 

O  PDT do deputado conseguiu eleger três prefeitos, dois quais, dois foram lançados na disputa pelo parlamentar. Em Tarauacá, a mulher do legislador, Maria Lucinéia (PDT), venceu a disputa política com mais de cinco mil votos. Além disso, a lenda conquistou dois acentos na Câmara de Vereadores, ou seja, o tio (Chico Batista) e a prima (Veinha do Valmar) do congressista.

Em Jordão, cidade vizinha à Tarauacá, a família Sérgio está em festa. O prefeito eleito foi uma aposta do grupo e saiu vitorioso e ainda conseguiu eleger a maior bancada para o legislativo, garantindo, inclusive, a terceira reeleição seguida da irmã (Meire Sérgio). Considerando que eleitorado de Tarauacá e Jordão somam mais de 30 mil votos, Jesus Sérgio é nome cotado para voos maiores nas eleições de 2022. 

Por outro lado, o reinado de duas outras famílias saíram enfraquecidos no pleito: a família Rocha, na capital, e os Sales, no Vale do Juruá. 

O vice-governador Major Rocha (PSL) e a deputada federal Mara Rocha (PSDB) não conseguiram conquistar mil votos ao irmão na disputa por uma vaga na Câmara de Vereadores, e o candidato a prefeito apoiado por eles,  ficou em terceiro lugar na disputa pela prefeitura de Rio Branco. 

Quem também provou o amargo da derrota foi o Leão do Juruá (Vagner Sales). Na eleição de 2018, conseguiu eleger a filha como a segunda mais votada para Câmara Federal e a mulher ficou com o terceiro lugar na disputa por uma vaga na ALEAC. Talvez, por isso, acreditou que emplacaria o filho na prefeitura de Cruzeiro do Sul em 2020. Perdeu com uma diferença de mais 4 mil votos. Vale ressaltar ainda, que na região do Vale do Juruá, os candidatos apoiados pelo ex-prefeito também  perderam a disputa. 

Por Leandro Matthaus 

Leandro Matthaus
Leandro Matthaus é graduado em Letras Português pela UFAC, radialista e narrador esportivo. Atuou nos sites Acrenoticias.com, Blog do Kaká, Tarauacá Agora, foi assessor de comunicação da Prefeitura de Tarauacá. No rádio, tem passagens pelas Rádio Nova Era FM 87,9 e Jordão FM 88.5 Cultural. Tem um programa na Rádio Juruá FM 100,9 (Programa Mistura Fina). Além de ser Vascaíno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...