quarta-feira, janeiro 20, 2021

Rodrigo Damasceno ganha ação contra União pela cobrança de convênio com o programa Calha Norte

O ex-prefeito Rodrigo Damasceno ( PSDB) obteve mais uma vitória na justiça, ao conseguir vencer a União Federal ( Fazenda Nacional) no processo judicial N° 1000125-74.2018.4.01.3000 em primeiro grau. Na qual o pré-candidato tucano pleiteia indenização por danos morais, dano material  e que a União se abstenha de cobrar os valores irrisórios em face dos convênios firmado com o Ministério da Defesa, via programa Calha Norte (454/2012, 027/2013 e 045/2013).

Damasceno alegou na condição de Prefeito do Município de Tarauacá, celebrou três convênios com o Ministério da Defesa (454/2012, 027/2013 e 045/2013), cujas prestações de contas foram rejeitadas em fração mínima (7,56%, 2,67% e 2,14%, respectivamente), ensejando a glosa dos valores relativos à apontada inexecução parcial, em montante inferior a R$100.000,00, com a imputação do débito ao demandante. E, por ser o valor inferior ao citado, não houve a instauração de tomada de contas especial, no âmbito do Tribunal de Contas da União, órgão incumbido da aferição da irregularidade na aplicação de bens e rendas públicos, a quem se reserva o reconhecimento da responsabilidade subjetiva, após procedimento que assegure o contraditório e ampla defesa, do agente público.

Na sentença de primeiro grau , proferida pela juíza federal Franscielle Martins  Gomes Medeiros, a magistrada destaca que a União Federal não concedeu o direito de defesa ao ex-gestor, o que fere o princípio constitucional. Embora este tenha buscado apresentar defesa junto ao Ministério da Defesa por meio de carta. “Por fim, não foi assegurada a possibilidade de recurso contra a decisão que apreciou a justificativa espontaneamente apresentada pelo autor (porque não efetivamente instado a defender-se), tendo os processos de análise de contas sido remetidos à Procuradoria da Fazenda Nacional, para inscrição em dívida ativa, imediatamente após a glosa parcial (documentos de ID 4424518, pp. 5/7, 4424523, pp. 46/47, 4424604, pp. 7/8), contrariamente ao que estatui o art. 56, da Lei n. 9.784/99”, escreveu a magistrada. 

O valor da indenização é 127 mil reais. 

Rodrigo Damasceno é representado na ação pelo advogado Hilário de Castro Melo. 

Por Leandro Matthaus

Portal Tarauacá

Leandro Matthaus
Leandro Matthaus é graduado em Letras Português pela UFAC, radialista e narrador esportivo. Atuou nos sites Acrenoticias.com, Blog do Kaká, Tarauacá Agora, foi assessor de comunicação da Prefeitura de Tarauacá. No rádio, tem passagens pelas Rádio Nova Era FM 87,9 e Jordão FM 88.5 Cultural. Tem um programa na Rádio Juruá FM 100,9 (Programa Mistura Fina). Além de ser Vascaíno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Órgãos federal e estadual recorrem de decisão que impede melhorias no Mais Médicos no Acre

O Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Acre (MP/AC) e a Defensoria Pública da União (DPU), entraram com recurso contra decisão da Justiça...