quarta-feira, novembro 25, 2020

Governador proíbe blitz com aplicação de multas na pandemia

Desde a última sexta-feira, 26, a Polícia Militar, prefeitura, Ciretran – que representa o Detran – e outros órgãos de Cruzeiro do Sul começaram a realizar uma grande blitz em vários pontos da cidade durante a Operação Pandemia II. Já nesta terça-feira, dia 1º, o governador Gladson Cameli proibiu desautorizou o Detran a fazer blitz com aplicação e cobrança de multas em todo o Acre durante a pandemia de coronavírus.

“Eu sou o governador e eu já tinha avisado que não era pra fazer blitz com multas. Não é para fazer. Eu queria saber por que só em Cruzeiro do Sul que fizeram. Nós estamos em 2020, numa pandemia, e o Detran não é um órgão quebrado. Quero que o Detran veja quem está fazendo isso. Os pais de família precisam fazer feira e o Detran tem é que diminuir burocracia “, alertou Cameli

Na Operação de sexta feira, comandada pelo capitão Alderlei Almeida, da PM de Cruzeiro do Sul, cinco equipes realizaram, simultaneamente, abordagens e fiscalização em vários bairros da cidade nos períodos da manhã, tarde e noite. O objetivo seria alertar a população em relação à gravidade da Covid-19, orientar sobre o uso de máscara de proteção e a importância do isolamento social, além de fiscalizar o funcionamento do comércio local.

Porém, taxistas e outros motoristas reclamaram da atuação da Companhia Independente de Fiscalização da 1° Circunscrição Regional de Trânsito, a Ciretran, e da Polícia Militar, pois estariam sendo multados no trânsito durante a ação.

Ao todo, 54 profissionais de oito órgãos públicos estiveram na ação: Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Departamento Estadual de Trânsito, Ministério Público , Secretaria Municipal de Saúde, Vigilância Sanitária Municipal, Secretaria Municipal de Trânsito e Fiscalização de Tributos Municipal.

Na primeira operação, realizada entre os dias 13 e 29 maio, 12,2 mil veículos foram abordados e mais de 17 mil pessoas atingidas. A chefe da Ciretran de Cruzeiro do Sul, Taynara Martins não se pronunciou sobre a fala do governador proibindo a realização de blitz no município.

Fonte: AC24horas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...