Jordão: alunos do 2° ano do ensino infantil da escola estadual Manoel Rodrigues de Farias estão sem aula porque secretaria não quer contratar um docente

As aulas da rede de ensino estadual teve início no dia 10 de fevereiro, mas  os alunos  do 2° ano  do ensino infantil da escola estadual Manoel Rodrigues de Farias, na cidade de Jordão, no interior do Estado, continuam em casa. Falta professor para lecionar e a secretaria estadual de educação se recusa contratar um docente, segundo informou um funcionário da escola. 

A turma de 2019 também não tinha professor, mas após negociação um docente aceitou trabalhar em forma de dobra. Contudo, este ano ninguém quer. Os docentes do colégio também atua na rede municipal. Ou seja, ganha muito mais. “O professor que presta serviço em forma  de dobra recebe menos da metade do salário do contrato”, alega os docentes.

O coordenador da escola e o próprio núcleo de educação mandaram um ofício pedindo a contratação de um docente , mas a pasta alega não ter condições. Assim, os alunos continuam em casa. 

Pais e funcionários estão revoltados com a situação e pedem que o governo resolva isso. Vale lembrar que existe professor no cadastro de reserva para ser chamado. 

Por Leandro Matthaus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *