sexta-feira, julho 3, 2020

Polícia prende ‘serial killer’ acusado de assassinar pelo menos 10 pessoas em Rio Branco

Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam na tarde desta terça-feira (11), no bairro Cidade Nova, um homem acusado de executar pelo menos 10 pessoas na capital. Suposto integrante de uma facção criminosa, ele não teve o nome revelado pela polícia.  

Após meses de investigação, os agentes localizaram o acusado, que vinha sendo investigado por ser um dos matadores da organização criminosa.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito é responsável pelas mortes de Raimundo da Costa Silva, de 35 anos; Marieldo de Souza do Nascimento, 45 anos; Paulo Henrique Batista, 19, e Marcos Gabriel de Barros Morais; Carlos Alberto; Kellyton Costa dos Santos e Elias Costas dos Santos; Ediberto Melo de Souza, 38; Amanda Silva Barbosa, 17; e de Ítalo de Souza Charife, 20.

Acusado será investigado por outras mortes, segundo agentes da DHPP/Foto: reprodução

Raimundo da Costa Silva foi assassinado com um tiro na nuca na manhã do dia 15 de setembro de 2019, às margens do Rio Acre. Seu corpo foi encontrado na Rua Uiarapuru, Beco Beira Rio, no bairro Cidade Nova, em Rio Branco.

O comerciante Marieldo de Souza do Nascimento, conhecido como “RamisFly”, foi morto com dois tiros na cabeça na tarde do dia 7 de novembro de 2019. O crime aconteceu na Rua Antônio Pessoa Jucá, bairro Tancredo Neves.

Paulo Henrique Batista, de 19 anos, e Marcos Gabriel de Barros Morais foram encontrados mortos na noite do dia 13 de novembro de 2019, no Ramal Castanheira, na região da Vila Custódio Freire, na BR-364, em Rio Branco.

Carlos Alberto foi executado no dia 7 de dezembro de 2019 por dois homens em uma moto. O crime aconteceu no bairro Cabreúva.

Já os irmãos Kellyton Costa dos Santos e Elias Costas dos Santos foram executados a tiros no dia 30 de dezembro de 2019.

Ediberto Melo de Souza, mais conhecido por “Marreta”, foi assassinado com 10 tiros na Rua 7 de Setembro, Bairro São Sebastião, no dia 30 de dezembro de 2019.

A adolescente Amanda Silva Barbosa, 17, foi executada a tiros e golpes de faca no dia 1º de janeiro deste ano, na Travessa da Amizade, no bairro Santa Inês, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Ítalo de Souza Charife morreu no Pronto Socorro de Rio Branco na noite do dia 5 de janeiro de 2020, após ser alvejado por pelo menos quatro tiros. O ataque ocorreu no bairro Conquista. Ele foi socorrido e levado ao PS, mas não resistiu.

Dois dias depois, Stanley Fernandes foi executado, também a tiros, em um residencial na Rua Vitória, bairro Conquista, em Rio Branco

No dia 16 de janeiro, Antônio José de Oliveira da Conceição foi baleado em frente à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do conjunto Habitacional Cidade do Povo, em Rio Branco.

A décima vítima foi Francisco das Chagas Gomes, executado com três tiros no dia 8 de fevereiro, na Praça do Conjunto Rui Lino, em Rio Branco.

O ‘serial killer’ será encaminhado ao presídio e deverá responder pelos crimes de homicídio qualificado, organização criminosa e sequestro. Ele também será investigado por outros homicídios ainda não especificados pela polícia.

Por Diário do Acre 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Coluna Diva: Lenilda Farias, a exuberância da mulher da terra do abacaxi

Confesso que estava morrendo de saudades de escrever sobre as belas mulheres e descrever a perfeição das curvas de seus corpos e, claro, falar...

Gilmar Torres desiste de disputar a prefeitura de Tarauacá ; saída é motivada pela filiação de Major Rocha ao PSL

O empresário Gilmar Torres, filiado ao PLS, desistiu de disputar a prefeitura de Tarauacá. O ex-postulante desistiu  após a notícia do acordo do vice-governador...

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até a até de meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído...

Auxílio emergencial de R$ 600 é prorrogado por mais dois meses – Benefício atende quase 65 milhões de brasileiros

O presidente Jair Bolsonaro assinou na tarde desta terça-feira (30) o decreto que prorroga, por mais dois meses, o auxílio emergencial de R$ 600,...