Com chuvas, terreno de cemitério de Cruzeiro do Sul desbarranca e ossadas ficam expostas

Uma pessoa que mora atrás do cemitério de Cruzeiro do Sul procurou a reportagem do Juruá em Tempo para denunciar uma situação que está causando transtornos para os moradores da região.

O primeiro problema é que com o período de chuvas, o terreno do cemitério começou a desbarrancar. E por isso, ossadas dos defuntos começaram a ficar expostas. Pedaços de ossos grandes, pequenos e até um crânio.

Outra situação é que o local estaria sendo utilizado para rituais de magia negra. Algumas pessoas estariam usando os ossos para fazer os rituais no local.

A população pede providências urgentes por parte das autoridades responsáveis pela manutenção do local. Nenhum morador quis se identificar.

Por Juruá em Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *