Jordão: município realiza caminhada alusiva ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração sexual de criança e adolescente

A Prefeitura de Jordão, através da Secretaria de Promoção Social e Cidadania sob a liderança da primeira dama Cristina Sérgio, em parceira com o Conselho Tutelar e as escolas do município realizaram uma linda caminhada alusiva ao 18 de maio: dia nacional de combate ao Abuso e à Exploração de Sexual de Criança e Adolescente. Com cartazes e faixas centenas caminharam nas ruas da cidade. O ato foi realizado na quarta-feira (22).

Para realizara uma denúncia basta discar 100. Com uma ligação é possível salvar uma criança ou adolescente de um crime terrível, na qual deixa sequelas incuráveis.

No Brasil, a prevenção e o enfrentamento a esse grave problema demandam a articulação de ações intersetoriais com o objetivo de proteger as vítimas e responsabilizar os agressores, bem como conscientizar a população sobre formas de identificar e denunciar os casos suspeitos.

A violência sexual pode ocorrer de diversas formas, entre elas: o abuso sexual e a exploração sexual. O abuso acontece quando a criança ou adolescente é usado para satisfação sexual de uma pessoa mais velha. Já a exploração sexual envolve uma relação de mercantilização, onde o sexo é fruto de uma troca, seja financeira, de favores ou presentes.

A escolha desta data é em memória do “Caso Araceli”, um crime que chocou o país na época. Araceli Crespo era uma menina de apenas 8 anos de idade, que foi violada e violentamente assassinada em 18 de maio de 1973. Este crime, apesar de hediondo, ainda segue impune.

O Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi instituído oficialmente no país através da lei nº 9.970, de 17 de maio de 2000.

Por Leandro Matthaus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *