Adeus PT! Rodrigo Damasceno pede desfiliação da sigla

O ex-prefeito de Tarauacá de 2013 a 2016 pelo PT, Rodrigo Damasceno , pediu desfiliação da sigla nesta segunda-feira (4). A carta foi entregue ao presidente da legenda no município, Tadeu Moreira. 

Na carta de  duas  laudas, o ex-prefeito fala do aprendizado que obteve com as duas disputas ao cargo de prefeito, sendo que em 2016 perdeu a reeleição justamente para quem ele havia derrotado em 2012. 

Rodrigo Damasceno também salienta que teve muitas noites sem dormir. Além disso , ele fala que ser gestor hoje é muito difícil. Porque a grande maioria dos apoiadores nutrem um desejo por dinheiro e ainda têm os órgãos de controle. 

O ex-gestor agradeceu sua mãe [ Bebé Damasceno] e a esposa Úrsula Prado por estarem sempre do seu lado. 

Após a derrota em 2016, o médico perdeu o protagonismo político dentro do PT estadual. Por vezes foi cogitado ser transferido pelo Secretário de Saúde de Estado, Gemil Júnior, na época, para Feijó.  

Na campanha de 2018 para o governo estadual, Damasceno só teve participação direta na campanha do candidato derrotado ao Senado Ney Amorim, então candidato do PT, e atualmente secretário do vencedor do pleito ao governo. 

Por Leandro Matthaus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *