Projeto ‘sementes que transformam’ certifica crianças em Cruzeiro do Sul

A Prefeitura de Cruzeiro do Sul, através do Centro Brasileiro para Conservação da Natureza e Desenvolvimento Sustentável, certificou na manhã desta sexta-feira (01), várias crianças que participaram do projeto ambiental ‘Sementes que Transformam’ disponibilizado pela empresa. Joselio Melo, coordenador nacional da área de resíduos sólido da CBCN, destacou a importância do projeto.

“O principal objetivo na verdade, é transformar Cruzeiro do Sul numa cidade sustentável, e repassar ao cidadão cruzeirense, uma consciência ecológica, quando atingirmos esse objetivo, creio que todos os problemas que envolvem a questão ecológica, estarão solucionadas. Por isso, a importância de conscientizar nossas crianças a respeito dessa questão ambiental”, ressaltou.

O projeto foi repassado em diversas etapas, entre eles, um trabalho de coleta e pesquisas realizado na Universidade Federal do Acre (UFAC). Após isso, foi finalizado com uma palestra do Coordenador do Instituto de Arte e Cultura e Biodiversidade, Uendel Felipe.

“Nós selecionamos, algumas crianças de áreas periféricas de nossa cidade, e aplicamos este importante curso, que vai ajudar na conscientização ambiental para estes pequenos. Todos participaram de aulas teóricas e práticas, envolvendo a conservação das nascentes, flora, fauna, descarte correto do lixo, dentre outros. Todos, assuntos que ajudam a educar ainda mais nossas crianças, para a importância de preservar o meio ambiente”, ressaltou.

Contente, o jovem Christopher da Silva, parabenizou o projeto, e disse ter aprendido sobre questões importantes, que antes, em sua casa, não davam muito valor. 

“Foi muito bom, todos ensinamentos. Aprendemos a preservar o meio ambiente, a separar os lixos, que é tão importante; e através disso, vamos repassar aos nossos colegas, familiares e amigos, para que todos possam também, preservar o ambiente em que vivemos”, finalizou.

Por Assessoria

Foto: Ismael Medeiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *