Jenilson Leite vai auxiliar vítimas da mineradora Vale em Brumadinho- Minas Gerais

- Publicidade -

O deputado estadual e médico Jenilson Leite se junta a outros 49 médicos que se formaram em Cuba para cumprir mais uma missão humanitária, desta vez em Brumadinho, em Minas Gerais.  O rompimento da barragem da mineradora Vale deixou centenas de vítimas, muitas das que conseguiram sobreviver ao lamaçal apresentam sintomas de contaminação de mercúrio e ferro.

O anúncio de sua ida ao Estado de Minas Gerais foi feito durante pronunciamento na ALEAC. O parlamentar informou que o seu embarque será dia 09, na qual atende ao convite de colegas da ELAM (Escola Latino Americana de Medicina em Cuba) e de profissão para ir prestar serviço voluntário.   “Recebi com muita alegria esse convite que foi feito pelos meus colegas médicos para participar dessa linda e importante missão de apoio. A liga é formada por 50 médicos que voluntariamente vão àquela cidade prestar apoio às famílias que foram afetadas pelo desastre. As vítimas começaram a apresentar sintomas de contaminação e nós vamos fazer o levantamento dessa situação, assim como fiz no Haiti em 2010 e, recentemente na Caravana do Dr° Baba que atendeu mais de 5 mil pessoas durante duas semanas entre os municípios do Jordão e Tarauacá”, enfatizou. Os custos das passagens e estadia será do próprio bolso do parlamentar.

Jenilson já participou de missão humanitária no Haiti em 2010, quando um terremoto destruiu praticamente quase todo o país caribenho. Esse desastre ambiental culminou com saída de milhões de haitianos para países vizinhos, tendo o Acre como rota de passagem desse povo para as regiões sul e sudeste do Brasil.  

- Publicidade -

Neste ano, o deputado realizou a primeira missão de saúde humanitária em homenagem ao médico Dr. Baba ( in memoriam)  às margens do rio Tarauacá. Sendo que mais de duas mil pessoas foram atendidas.

Por Leandro Matthaus 

Foto: Jardy Lopes 

Related Articles