quarta-feira, julho 15, 2020

Indígena de Jordão dá lição de ética nos tempos de crise moral no Brasil

No momento que o brasileiro clama por ética, principalmente dos seus representantes eleitos por sufrágio universal, o exemplo de ética e demonstração de respeito com as coisas alheias  veio de uma criança indígena do município de Jordão.  

Paulo Kaxinawá, 12 anos, reside na cabiceira do rio Jordão- aldeia Novo Segredo, sendo estudante do 5° ano do ensino fundamental-  série que pela LBD o ensino passa ser transmitido no idioma Português e indígena [ huni kuin]. Ele está na cidade acompanhando a mãe, que está resolvendo problemas familiares.

Na cidade, ele encontrou um aparelho celular, em vez de ficar para si, o pequeno huni kuin foi à rádio FM Cultura- uma espécie de terceiro ouvido do jordanense- devolver o objeto.  Não é comum alguém encontrar algo e sair procurando o dono, ainda mais nos centros urbanos. Mas o povo da floresta, pelo menos Paulo, demonstrou que seus atos são diferentes dos legisladores de Brasília e boa parcela da sociedade brasileira. 

A atitude do curumim chamou à atenção do professor e radialista Mauro Brito, cujo relato foi narrado em sua página no Facebook. “Este carinha é o Paulo, 12 anos, estuda o 5° ano, é um indígena da etnia Kaxinaxá e reside na aldeia Novo Segredo – Ultima aldeia indígena localizada nas cabeceiras do Rio Jordão. De lá pra frente não temos mais habitantes racionais.Paulo está na cidade com sua mãe para resolver problemas pessoais da família, e ao caminhar pelas ruas de nossa cidade, encontrou um celular e, ao contrário de muitos que se acham mais civilizados, mais que de pressa, procurou a emissora de rádio local para que identificássemos o dono do mesmo.Um gesto nobre e digno de aplausos. Paulo não é candidato nessas eleições de 2018, mas, se fosse, já teria conquistado meu voto com a sua demonstração de bom caráter e honestidade.Salve, salve o povo da floresta!”. (SIC). 

Por Leandro Matthaus

 

Leandro Matthaus
Leandro Matthaus é graduado em Letras Português pela UFAC, radialista e narrador esportivo. Atuou nos sites Acrenoticias.com, Blog do Kaká, Tarauacá Agora, foi assessor de comunicação da Prefeitura de Tarauacá. No rádio, tem passagens pelas Rádio Nova Era FM 87,9 e Jordão FM 88.5 Cultural. Tem um programa na Rádio Juruá FM 100,9 (Programa Mistura Fina). Além de ser Vascaíno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...

Coluna Diva: Lenilda Farias, a exuberância da mulher da terra do abacaxi

Confesso que estava morrendo de saudades de escrever sobre as belas mulheres e descrever a perfeição das curvas de seus corpos e, claro, falar...