Jordão: Com nota 6 no IDEB, escola Manoel Rodrigues de Farias atinge meta prevista para 2021

A Escola Estadual  de Ensino Fundamental ( 1° ao 5° ano) Manoel Rodrigues de Farias, no município de Jordão, cidade com um dos piores IDH do Brasil, e isolada por via terrestre das demais cidades acreanas, obteve nota seis na avaliação do IDEB ( índice de desenvolvimento da educação básica) pelo quarto ano consecutivo. 

Obter seis em 2017, significa  que o colégio ultrapassou nove décimo a  mais do que a previsão para  2021, que é de 5.1. 

Na avaliação do  MEC, são  calculados a nota da Provinha Brasil ( matemática e português) para alunos do 5° ano, o índice de aprovação e evasão escolar. Sendo que há mais de três anos não houve evasão no colégio dos estudantes da primeira etapa do ensino fundamental. 

A Escola Manoel Rodrigues de Farias foi criada pelo então Governador Jorge Kalume e Secretária de Educação Professora Yacute Ayache, através do Decreto Lei nº 190, de setembro do ano de 1969, na ainda Vila Jordão.

A melhora na qualidade do ensino da escola, que já abrigou todo o ensino fundamental e médio do município, é fruto de um trabalho iniciado com a professora Marissanta Farias, atualmente coordenadora de ensino. 

A equipe gestora da Escola Estadual Manoel Rodrigues de Farias é composta pela Professora Adelana Amorim Feitosa Farias – Diretora; Maria Marissanta Marinho de Farias –  Coordenadora de Ensino; Tacilene Jorge de Oliveira – Coordenadora Administrativa Esperidião Menezes Júnior – Secretário e Maria Miranete Lopes Rocha – coordenadora Pedagógica de EJA. 

A Escola Manoel Rodrigues de Farias recebeu esse nome em homenagem a este ilustre brasileiro, que nasceu na cidade de Eirunepé- AM em 1901, tendo falecido em 1964, na cidade de Tarauacá-AC. Manoel chegou à comunidade em 1933, atraído pela riqueza que a borracha proporcionava na época, tornando-se um grande seringalista e ainda exercendo as funções públicas de sub-prefeito e juiz de paz. 

Por Leandro Matthaus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *