Direção do Sinteac discute Database com o secretário de Educação

Os professores Lauro Benigno de Souza e José Eurico de Lima Paz, respectivamente presidente e vice-presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre Núcleo de Tarauacá, se reuniram na manhã dessa sexta-feira (29), com o novo Secretário de Educação, Orlando Bezerra, para discutirem vários assuntos referentes aos avanços para a categoria.

Pautas como a Data Base deste ano de 2018, pagamento anual das férias proporcional há 45 dias, readaptação dos vigias, reformulação do Plano de Cargos Carreira e Remuneração foram os principais assuntos que foram destacados nessa primeira conversa com o professor Orlando Bezerra que assumiu a secretaria no início deste mês de junho.

O secretário Orlando Bezerra considerou a reunião bastante positiva, e afirma que rediscutirá algumas pautas antigas como a reformulação do Plano de Cargos Carreira e Remuneração com o sindicato, buscando alternativas para beneficiar os servidores da educação.“Eu sou sensível à causa, sou professor e a gente tá bastante animado no sentido de encontrar soluções, juntamente com o sindicato dos trabalhadores em educação, mas preciso de um prazo maior para tratar da Data Base porque estou assumindo a secretaria há pelo menos um mês e necessito de todas as informações possíveis para debater sobre as demandas da categoria,”afirmou o secretário.

O presidente do SINTEAC, professor Lauro Benigno define a reunião como uma oportunidade de estar trazendo as muitas demandas da categoria, mas declara sentir-se confortável nas negociações, pelo fato do secretário ter conhecimento de causa, pois já é a terceira vez, em governos diferentes que ele assume o cargo de Secretário.“Saímos otimista da reunião em ter um professor na Secretaria de Educação, porque quando a gente senta pra tratar das causas da educação, a gente senta com uma pessoa que já tem uma grande experiência. Devemos levar em consideração que já temos os números preliminares do FUNDEB que favorecem nossa Data Base deste ano. Comparando 2018 em relação ao anos de 2017, houve um aumento na matrícula dos alunos e consequentemente nos repasses mês a mês”finaliza o presidente Lauro Benigno.

 COMPARATIVO FUNDEB 2017/2018

MÊS                        ANO DE 2017            ANO DE 2018               DIFERENÇA

Janeiro                 R$ 2.311.392,02           R$ 2.500.492,78              R$ 189.100,76

Fevereiro             R$ 2.626.044,16          R$ 2.996.601,56              R$ 370.557,40

Março                    R$ 1.907.616,85           R$ 2.185.596,95               R$ 277.980,10

Abril                       R$ 2.115.043,46           R$ 2.250.887,26              R$ 135.843,80

Maio                       R$ 2.383.534,26          R$ 2.664.932,71               R$ 281.398,51

Junho                     R$ 2.311.666,59          R$ 2.497.360,09              R$ 185.693,50

Julho                      R$ 1.863.991,52

Agosto                    R$ 2.047.578,90

Setembro              R$ 1.870.198,64

Outubro                R$ 2.075.438,48

Novembro            R$ 2.034.203,31

Dezembro             R$ 2.624.454,99

Em breve, após o prazo dado ao secretário, outras reuniões serão agendadas com o SINTEAC com a finalidade de debaterem as demandas e buscarem soluções para as solicitações da categoria.

Por João Maciel , Sinteac

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *