Jenilson pede regularização na emissão de carteira de identidade (RG )nos municípios da região de Tarauacá/Envira

O deputado estadual Jenilson Leite ( PCdoB), presidente da Comissão de Segurança e Narcotráfico na Assembleia Legislativa do Acre, se reuniu na última 

quinta-feira (15) com o secretário de polícia civil do Estado , Dr. Carlos Flávio, para levar uma reivindicação da população dos municípios da regional Tarauacá/Envira. Os munícipes dessa região estão com dificuldades de tirar a identidade, o popular RG, e solicitaram do parlamentar que intercedesse junto a secretaria responsável pela emissão desse documento.

Na conversa com o secretário, e também com o diretor do departamento de Identificação do Acre, Sandro Roberto, o deputado foi informado que haverá em cada município um posto de atendimento para a emissão das carteiras de identidade. ” Estamos trabalhando para padronizar o serviço de emissão nos municípios, alguns serão por lotes e outros serão virtuais”, garante o gestor da pasta.
Dr. Carlos informou ainda que a Empresa de Correios e Telégrafos- ECT será responsável pela entrega dos malotes dos RGs. Segundo o secretário, nos mês de maio estará se instalando nos Acre, nos 22 municípios, uma nova empresa que emitirá o documento. Em algumas cidades o documento será feito de forma virtual, em outras presencial. Mas o tempo médio para receber será em média uma semana. Com isso, a demanda será zerada nos próximos meses.

Jenilson é um deputado presente nos vinte e dois municípios do Acre, sempre buscando dar uma atenção maior aos moradores das cidades isoladas. ” Estivemos hoje na secretaria de polícia civil levando as demandas da população dos municípios de Tarauacá, Feijó e Jordão. Os munícipes dessa região, principalmente de Jordão, devido o isolamento da cidade estão com dificuldades para tirar o documento de identificação. Viemos pedir ao Dr. Carlos que implante um posto que atenda a demanda dessa região, mas antes disso, realize um mutirão para que as pessoas tenha a chance de obter este documento tão importante o mais breve possível”, pondera o deputado.

Sandro Roberto, diretor do departamento de identificação da secretaria de polícia civil, ressaltou que o serviço que será implantado nos demais municípios, já está em fase de teste nas cidades de Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima, na região do Vale do Juruá.
Após essa fase, o serviço será implantado nas outras vinte cidades. “Nesse quesito, o Acre viverá uma nova fase”, garante o diretor.

Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *