quarta-feira, setembro 30, 2020

TARAUACÁ: DIRETOR DO SENAC EXPLICA AS RAZÕES DA RETIRADA DA CARRETA ESCOLA DO MUNICÍPIO

O Diretor Regional do Senac – Acre, Abrão Maia, fez, nesta sexta feira, 22 de setembro, um esclarecimento sobre a saída para rio Branco, da carreta escola de gastronomia que estava há 2 anos em Tarauacá. Houve muita especulação e oportunismo político de opositores da prefeita em atribuir a culpa à gestora pela saída da carreta. O diretor afirma, ainda, que a decisão de retirar o veículo de Tarauacá é de inteira responsabilidade do SENAC e que não há nenhuma situação conflituosa entre o órgão e a prefeitura local. 

Leia o que disse Abraão.

Quero afirmar pra vocês que não exite nenhum conflito nosso com a prefeitura em relação a essa questão. Aliás, a prefeitura de Tarauacá sempre nos apoiou em nossas ações. A saída da carreta é por uma situação institucional estratégica do SENAC, pois, já está a 2 anos  na cidade e o máximo que ela deveria ficar seriam seis meses. O motivo de ficar tanto tempo no município é em decorrência das péssimas condições da BR 364, que nós não estávamos conseguindo levá-la nem para Cruzeiro do Sul e nem outros municípios. Nesse período tivemos várias solicitações de outros municípios e não foi possível atender por conta do veículo está ilhado em Tarauacá. Recentemente constatamos uma melhora significativa nas condições da rodovia. então, esperamos a conclusão dos cursos em andamento, a formatura dos alunos e agora estamos removendo para Rio Branco. Se não fizéssemos isso agora teríamos que esperar até o verão do ano que vem e isso atrasaria muito nossos planos. Por fim, reafirmo que não há nenhuma especie de conflito ou atrito com a prefeitura. A saída da carreta foi uma decisão do Senac. Vamos continuar atendendo o município oferecendo outros cursos e já traçamos um planejamento pra isso acontecer ainda este ano. A parceria com a prefeitura permanece e o SENAC vai estar a disposição para atender a comunidade como tem feito nos últimos anos“, relatou o coordenador.

A Coordenadora do SENAC em Feijó que também reponde por Tarauacá, disse em reunião recente com a prefeitura que não há nenhuma intenção do SENAC deixar de ofertar os cursos técnicos no município. “Não há nenhuma intenção de sairmos do município de Tarauacá, ou deixar de ofertar nossos cursos aqui. Inclusive futuramente nossos planos é colocar um pólo permanente aqui em Tarauacá. Vale ressaltar que estaremos abrindo vagas agora em setembro para novos cursos, e as aulas serão ministradas no Instituto São José” frisou Carlete.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...

Vereadores de Jordão apresentaram mais de 300 proposições legislativas em 2019

Os parlamentares de Jordão, no interior do Acre, concluem 2019 como um dos anos mais produtivos da história política da cidade. Os edis apresentaram...