domingo, janeiro 17, 2021

TARAUACÁ: REPRESENTANTES DAS FORÇAS DE SEGURANÇA DIZEM QUE ESTÃO PRONTOS PARA ATUAREM NA REALIZAÇÃO DE QUALQUER EVENTO NO MUNICÍPIO

Depois da polêmica gerada por uma decisão e uma declaração da prefeita Marilete de atribuir o cancelamento do Festival de Verão que seria realizado na praia do Rio Tarauacá, à falta de segurança no município, nesta terça feira foi a vez dos representantes das forças de segurança se manifestarem.

Assim como o Comandante do 7° Batalhão da Polícia Militar, Ten. Cel. Ruiz Almada, o Delegado de Polícia Civil Dr. José Obetânio, manifestou-se favoravelmente à realização do evento em questão, conforme texto abaixo:

Delegado José Obetânio

O delegado de Polícia Civil da cidade de Tarauacá, José Obetânio, vem a público esclarecer que a Polícia Civil estará com uma equipe reforçada de prontidão à disposição dos organizadores do Festival de Praia que esta na iminência de acontecer no município de Tarauacá.

A autoridade policial, lembra também que a orientação do secretário de segurança, Emylson Farias, é para que as forças policiais atuem conjuntamente a exemplo do fim de semana passado quando as forças de segurança estiveram presentes na realização do Festival do Açaí, em Feijó, cuja característica é semelhante ao Festival de Praia de Tarauacá e nenhuma ocorrência de relevo foi registrada a ponto de macular o sucesso do evento.

Por fim, o delegado ressalta que o Festival de Praia oferece entretenimento e laser à população que espera ansiosamente pela realização desta importante manifestação cultural.

Assim como em anos anteriores, o Estado/Polícia estará agindo firme para evitar quaisquer tipo de ocorrência que comprometa o festival.

Coronel Jeferson Ruiz (PM)

Já o comandante do 7º Batalhão da PM, responsável pelo policiamento em Tarauacá, Feijó e Jordão, coronel Jeferson Ruiz disse na manhã desta terça-feira, 15, que foi pego de surpresa com a decisão da prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, de cancelar o Festival de Praia do município por causa da falta de segurança.

Ao contrário do que disse a prefeita ontem, o comandante afirmou que em nenhum momento deu orientações para que o evento não fosse realizado em função da violência no município. Ele afirma que apenas pediu para que a prefeitura contratasse seguranças privados com o objetivo de ajudar a Polícia Militar durante o festival. A disponibilização de seguranças é normal em qualquer evento no estado.

Inclusive no Festival do Açaí, a gente reforçou o policiamento com a ajuda de seguranças contratados como é feito em todos os eventos. Isso aí foi uma surpresa pra mim. Eu acredito que tenha sido outras razões, outros motivos. Nós temos efetivo, temos policiamento”, lembrou

“Se a gente for por esse lado não pode ter mais evento nenhum em Tarauacá e em nenhum outro município. Nunca houve registro de incidente no Festival de Praia. Isso aí foi uma surpresa pra mim”, afirmou o comandante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Órgãos federal e estadual recorrem de decisão que impede melhorias no Mais Médicos no Acre

O Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Acre (MP/AC) e a Defensoria Pública da União (DPU), entraram com recurso contra decisão da Justiça...