domingo, outubro 25, 2020

Governo reage à onda de violência com 26 prisões e reforço no policiamento

O governador Tião Viana convocou uma reunião na manhã deste domingo, 6, com as forças de segurança do Estado para tratar da rápida reação do Estado frente aos atentados criminosos ocorridos na última madrugada que resultaram no incêndio de três ônibus na capital e um no interior.

As equipes de segurança reagiram rapidamente à onda de violência, com a prisão de 25 criminosos, além do envio de 22 reeducandos para o Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), por envolvimento com organizações criminosas. No início da tarde, mais uma pessoa foi presa por envolvimento nos incêndios.

O serviço de Inteligência identificou que a ação criminosa foi resultado da revolta de facções com a efetividade do bloqueador de sinais de celulares implantado na unidade prisional da capital e que cessou a comunicação com os líderes em regime prisional.

“A cada covarde tentativa de intimidação por criminosos, mais firme será a resposta do Estado. Realizamos muitas prisões, identificamos os líderes e nossas forças policiais estão em total reação neste momento”, disse o governador Tião Viana.

Reforço neste domingo

O governo já organizou um reforço de quase 400 policiais militares, civis e bombeiros. O Estado conta com o apoio de homens do Exército Brasileiro, na faixa de fronteira. O Batalhão de Operações Especiais (Bope) da PM também está dentro do Complexo Penitenciário da capital para evitar qualquer conflito e as linhas de ônibus estarão operantes e sendo monitoradas por policiais durante todo o dia.

O secretário de segurança pública, Emylson Farias, é categórico nas ações realizadas pelo Estado: “Estamos com uma reação dura e firme. Não podemos admitir que criminosos revoltados com a medida acertada do bloqueador de celulares venham afrontar o Estado democrático de direito. Já prendemos 13 pessoas, só em Rio Branco, e não vamos nos curvar a qualquer tipo de organização criminosa”.

O prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, também esteve na reunião e garantiu os esforços da prefeitura e a equipe nas ações. “Estamos vendo todo o esforço da equipe de segurança integrada. A prefeitura está fazendo sua parte junto com a operação de transporte coletivo e o importante é o enfrentamento à criminalidade. Vemos todo o esforço que está sendo feito e as instituições estão unidas”.

Secom/Acre

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...