quinta-feira, outubro 1, 2020

ACRE: MP abre programação alusiva aos 54 anos, lança prêmio e site para denúncias ambientais

 

Na manhã desta sexta-feira (9), no auditório do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), foi realizada a abertura da programação dos 54 anos da instituição. A programação, que vai até o final do ano, inclui a inauguração do prédio sede do MPAC, eventos alusivos ao aniversário de 1 ano do Centro de Atendimento à Vítima (CAV), Semana do Núcleo de Atendimento Terapêutico Psicossocial em Dependência Química (NATERA), 2ª edição do Projeto “Alegria por um dia e por todos os outros”, 8º Prêmio de Jornalismo, entre outros.

Na ocasião, também foram lançados o Prêmio MP Atitude, que visa reconhecer atitudes que contribuem com a sociedade, e o Clique Verde, um formulário online que facilita o envio de denúncias relacionadas ao Meio Ambiente.

Prêmio MP Atitude

A iniciativa vai reconhecer  e premiar pessoas ou instituições que desenvolvem ações solidárias em prol de uma sociedade mais justa.

Durante o evento, o procurador-geral de Justiça, Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto, falou sobre a inspiração para o Prêmio MP Atitude. “Hoje é um dia para fugir de más notícias e assumir compromissos. Através do MP na Comunidade, projeto que leva os serviços da instituição e de parceiros aos lugares de maior vulnerabilidade social, nos deparamos com exemplos que só atestaram uma verdade: que não estamos sozinhos e não protagonizamos grandes virtudes de forma isolada. Somos todos interdependentes e corresponsáveis pelo bem estar da nossa comunidade”, disse.

“Dessa forma surgiu a necessidade de reconhecer esses esforços e de alguma maneira incentivar essas práticas. O Prêmio MP Atitude quer descobrir e incentivar esses tesouros anônimos, as práticas sustentáveis, recolhendo historias de solidariedade. Queremos ter um olhar mais atento para quem pratica o bem e assim juntar os nossos melhores sonhos”, ressaltou.

Representando o Congresso Nacional, o senador Jorge Viana destacou que a iniciativa deve servir de exemplo para prefeituras e governos. “Uma das prerrogativas constitucionais do Ministério Público é defender a sociedade. E, no Acre, tenho visto iniciativas importantes, fundamentando essa ação, nas mais diversas causas. O Prêmio MP Atitude estimula que a cidadania floresça na sociedade e que cuidemos uns dos outros como seres humanos que amam o próximo”, elogiou.

O jornalista Fábio Gusmão, que ajudou a conceber o prêmio, disse que espera que a iniciativa ganhe uma projeção além do estado, ajudando a incentivar ações parecidas por todo o país.

“Acho de extrema importância um prêmio que não seleciona, que não elitiza nada, pelo contrário, torna todos iguais e coloca luz em pequenas ações que transformam pessoas, comunidades inteiras e são exemplos para todos. E isso com o incentivo do MPAC, uma instituição que tem tanto respeito e promove e defende a cidadania”, salientou.

O padre Mássimo Lombardi, convidado na cerimônia, enalteceu o projeto. “Precisamos de voluntários para transformar o mundo. Grandes acontecimentos se dão através de pequenas ações e de grandes corações voluntários para levar à frente esses ideais. O MP já deu um bom sinal em ações como a realizada na Cidade do Povo com o MP na Comunidade, fazendo um belíssimo dia de cidadania”.

Exemplos

Na apresentação do prêmio, foram apresentados exemplos de ações de pessoas que simbolizam o ideal da premiação. Moradora da Baixada da Sobral, Dona Raimunda comanda há mais de 20 anos uma comunidade que, em um gesto de solidariedade e humanidade, serve sopão para mais de 100 pessoas carentes, todas as quartas-feiras. Os custos são bancados com recursos próprios, provenientes de produtos como sabão e cestas que Dona Raimunda vende no mesmo local, e com a ajuda de doações.

“Eu procuro ajudar, esse é o meu sonho, querer o bem do meu próximo. Para isso peço do grande para ajudar o pequeno, vendo meus produtos para financiar a sopa, faço todo o necessário. E fazemos a sopa com amor, com a ajuda das outras colaboradoras”, diz ela, ressaltando que, com a divulgação da ação, espera que mais pessoas possam colaborar com seu projeto.

Maria Júlia, que criou na própria casa uma creche que atende a 320 crianças, também teve sua atitude celebrada no evento. “Cresci vendo minha mãe fazendo projetos sociais com o Frei Paulino e aquilo despertou no meu coração essa vontade de ajudar aos outros. O mais difícil no projeto foi convencer as pessoas a trabalhar de forma voluntária, dizer para elas acreditarem no sonho. Hoje me sinto realizada”, disse ela, que sonha que outras pessoas se comprometam a fazer um trabalho parecido.

Clique Verde

Além do lançamento do Prêmio MP Atitude, a cerimônia marcou o lançamento do projeto Clique Verde, um formulário online para denúncias ambientais. “O Clique Verde é uma iniciativa para aproximar a sociedade ao MP na área ambiental. Proporcionar comodidade para o cidadão que está se sentindo incomodado com algum problema ambiental, para que ele possa fazer sua denúncia sem sair de casa”, destacou a promotora de Justiça Meri Cristina, da Promotoria de Defesa do Meio Ambiente.

Ela contou que a a ideia é originária do MP do Piauí. “Fizemos um contato com a instituição, adaptamos à nossa realidade e esperamos que a sociedade lance mão desse dispositivo. Imaginamos que com um formulário específico na página do MP possamos conseguir uma maior participação da população. É uma forma do cidadão colaborar no sentido de difundir problemas ambientais, para que possamos buscar soluções”, completou.

A promotora ressaltou que a identificação do denunciante é opcional, sendo indispensável somente os dados sobre o denunciado, para que o MP possa realizar a investigação. O formulário permite o envio de arquivos como documentos, vídeos e fotos, que possam ajudar a comprovar a denúncia.

O site já está disponível no endereço: http://www.mpac.mp.br/cliqueverde/

Programação de 54 anos do MPAC

Ainda nesta sexta, foram apresentados os primeiros eventos previstos no calendário de celebração dos 54 anos da instituição. No mês de julho, no dia 5, em seu auditório, o MPAC promove o ato solene em comemoração ao aniversário de um ano de inauguração do Centro de Atendimento à Vìtima (CAV), com o lançamento da cartilha “O CAV responde: o que você precisa saber sobre direitos LGBT” e a assinatura do ato institucional que garanta o direito das pessoas de serem tratadas pelo nome social em todos os órgãos da Administração.

No dia seguinte, ocorre a Sessão Solene na Assembléia Legislativa do Estado do Acre, em comemoração a um ano de inauguração do CAV. Já no dia 7, o MPAC divulga os resultados do projeto “Criança não é brinquedo” e o lançamento do livro “Pedofilia: fatos baseados na vida”, da autora Valéria Martirena, no auditório da instituição. No mesmo dia, o Parque Capitão Ciríaco recebe a 2ª edição do projeto “Alegria por um dia e por todos os outros”.

O MPAC encerra a programação do mês de julho com a inauguração do seu prédio sede, no dia 26. Já em agosto, do dia 1 ao dia 4, ocorre a Semana Natera / Caopcrim / Ceaf, com a realização do seminário “Audiência de custódia, cuidado e inserção social na prevenção do encarceramento e do uso de drogas”; o lançamento do projeto “Cuidar para transformar”; a oficina “Fortalecendo vínculos e construindo sonhos”, com familiares e usuários do Natera; e a atividade “Visitas às comunidades terapêuticas” e a divulgação dos resultados do projeto “Cidades Saneadas”.

Dezembro é o mês do já tradicional Prêmio de Jornalismo do MPAC, em sua 8ª edição, que será realizada no Afa Jardim, no dia 9. Fechando a programação dos 54 anos do MPAC, ocorre a cerimônia de anúncio dos vencedores do Prêmio MP Atitude, no dia 14.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...

Vereadores de Jordão apresentaram mais de 300 proposições legislativas em 2019

Os parlamentares de Jordão, no interior do Acre, concluem 2019 como um dos anos mais produtivos da história política da cidade. Os edis apresentaram...