sábado, outubro 31, 2020

ACRE: Superintendente do Dnit não vai impedir protesto

O superintendente do Dnit no Acre, Tiago Caetano, afirmou que não vai impedir o protesto de moradores da Tarauacá que anunciam bloqueio da BR-364 neste sábado.

Sem ter como acionar a Polícia Rodoviária Federal (devido à falta de contingente), a alternativa é manter a calma e esperar o verão chegar para iniciar as obras e amenizar as críticas. Por telefone, ele classificou o movimento como “político”, sem detalhar o problema.

O protesto de moradores está sendo anunciado há mais de uma semana e tem como mote a atual situação da BR-364, praticamente impedindo o trânsito de pessoas e veículos. A rotina dos moradores começa a ser afetada, inclusive pela falta de alguns produtos que não têm como chegar ao comércio local. O protesto está marcado para acontecer no bairro Corcovado, no Km 6 da BR-364.
Poucos carros conseguem trafegar em toda a extensão da rodovia no Acre. O ponto mais crítico fica entre Feijó e Tarauacá, cerca de 45 quilômetros. Nesse perímetro, os veículos demoram até quatro horas na viagem.
O superintendente da autarquia, Thiago Caetano, informou que os serviços devem iniciar na primeira quinzena desse mês, o que ainda não foi possível devido às condições climáticas.
“Realmente nossa programação inicial era começar as obras em maio”, admite. “Só que o Dnit segue normativos rígidos em relação à técnica e é impossível começar a restauração sem que as condições climáticas nos deem essa garantia”.
Essa primeira etapa terá duas frentes de trabalho, uma começando justamente no trecho Tarauacá/Feijó e a outra entre Sena Madureira/Manoel Urbano.
As obras nesse primeiro trecho devem ser concluídas até setembro, o investimento do governo federal é de aproximados R$ 110 milhões. O Dnit busca ainda recursos para a próxima etapa que vai até Cruzeiro do Sul e deve custar o mesmo valor.
“De Tarauacá para Cruzeiro, nós estamos à dependência da nossa bancada federal que está se empenhando em conseguir um reforço orçamentário. Mas, este de Sena Madureira/Tarauacá, que inclusive afeta esse pessoal que está fazendo manifestação, nossa expectativa é que pós o início em três meses, três meses e meio esse trecho esteja completamente trafegável”, garantiu Caetano.
agazeta.net

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

TARAUACÁ: 104 ANOS DE UM BELA HISTÓRIA

Por Isaac Melo (Blog Alma Acreana) BREVE HISTÓRICO - O século XIX é um século de grandes explorações na Amazônia. Surgem as famosas expedições de...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...