quarta-feira, setembro 30, 2020

LUIZ CARLOS MOREIRA JORGE: “Não tem santo nesta procissão em Tarauacá”

Esta denúncia de que a prefeita Marilete Vitorino (PSD) elegeu-se trocando votos por requisições de gasolina, formulada em uma audiência judicial pelo coordenador da sua campanha, empresário Grandi Almeida (PP), deve ser lida por várias facetas.

A primeira é perguntar por qual razão o empresário, partícipe da tramóia, aceitou se envolver e não denunciou durante a campanha? Foi co-autor do crime eleitoral. Deve ter sido contrariado em alguma pretensão.

A segunda é que isso não invalida a acusação judicial de compra de votos, afinal, o Grandi era da entranha da campanha, quem comandava os bastidores.

Terceiro é saber por qual motivo a prefeita Marilete Vitorino (PSD), que chama o denunciante de “bandido”, o colocou para ser a peça principal da sua campanha? Não se entrega uma campanha a quem não se tem afinidade e confiança.

E a quarta observação é que tudo o que foi narrado em juízo deve mesmo ter acontecido, este rapaz jamais o faria se não tivesse como sustentar com provas a grave acusação, que pode redundar na cassação da prefeita Marilete, que entrou num cipoal de espinhos.

Uma coisa é certa: não tem santo nesta procissão política (se é que exista político santo), estão todos no mesmo saco de estopa: o Grandi porque estava na cena principal como protagonista e a Marilete por dar aval a que a operação acontecesse.

A prefeita Marilete (foto) está com o que se chama de “bicho na capação”.

Não sejamos hipócritas
O que aconteceu em Tarauacá é o que acontece em todo bastidor de campanha política.

Deve ter ocorrido em todos os municípios onde houve a disputa para prefeito.

Não sejamos hipócritas de pensar que uma campanha política é feita com as cenas externas.

E no bastidor que as grandes traquinagens acontecem, principalmente, nas campanhas majoritárias.

Uma acusação que pesa

É uma acusação que pesa por não ter sido feita por alguém da oposição, mas por um aliado.

Continue lendo a coluna do Luiz Carlos  AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Popular

Tarauacá: Grupo Tático prende cinco homens por envolvimento com o tráfico de drogas

Na sexta-feira, 03, a Polícia Militar, por meio do Grupo Tático de Tarauacá, braço da corporação para o enfrentamento do crime organizado, conseguiu prender...

Jordão: extração do látex da seringueira melhora renda de moradores da reserva extrativista; venda da borracha injetou sessenta mil na zona rural do município

Durante quase cem anos , final do séc. XIX e até  meados de 80 do séc. XX, a borracha, produto extraído do látex da...

Cel. Ulysses será o vice de Minoru Kinpara e Major coordenadorá a campanha do ex-reitor da Ufac

Pedro Valério continua presidente regional do PSL no Acre e as candidaturas do interior tanto para o legislativo, como para o executivo será coordenada...

Vereadores de Jordão apresentaram mais de 300 proposições legislativas em 2019

Os parlamentares de Jordão, no interior do Acre, concluem 2019 como um dos anos mais produtivos da história política da cidade. Os edis apresentaram...