Deputado denuncia que líderes de facção ordenam incêndios a prédios em Tarauacá e acusa comando da PM de “afrouxar”

O deputado Jesus Sérgio (PDT) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Acre na manhã de terça-feira (8) para denunciar uma nova tentativa de incêndio a um prédio público de Tarauacá. Ele aproveitou para criticar o comandante da Polícia Militar (PM) daquela cidade, afirmando que ao invés de combater a violência a cúpula da segurança “afrouxou” no trato com a criminalidade.

Jesus Sérgio afirmou que dois menores tentaram atear fogo no prédio do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf) por ordens de supostos líderes de facções, e frisou, ainda, que houveram outros atentados contra o patrimônio naquela cidade.

O parlamentar pedetista disse também que, na contra-mão das atitudes que deveriam serem tomadas, o comandante da PM reduziu o banco de horas e retirou o grupo de investigação de atuação. “Ao invés de de tomar atitudes eles têm ‘afrouxado’ com a violência”, diz.

O parlamentar encerrou o discurso solicitando que o governo do Estado tome providências eficazes no combate à violência e salientou que a população de Tarauacá vive em pânico.

“Ninguém consegue dormir direito com medo de que os ataques aconteçam. Precisamos de providências urgentes, Tarauacá não aguenta mais viver assim”, diz.

Por

Gina Menezes/Folha do Acre

=

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *