Frente fria chega na segunda no Acre e pode provocar fortes chuvas, informa Davi Friale

Uma poderosa onda de frio entrará no Brasil na segunda-feira, despencando rápida e acentuadamente a temperatura, no sul do país. A frente fria causada por essa onda de frio chegará ao leste e sul do Acre e ao sul e oeste de Rondônia, na segunda-feira, à noite, mas a temperatura somente cairá rapidamente na terça-feira, quando começará a penetrar a massa de ar polar. As informação são do pesquisador meteorológico Davi Friale.

Segundo o Friale, o ar seco é mais denso e, portanto, mais pesado que o ar úmido. É por este motivo que a frente fria chegará moderada na segunda-feira, já que terá mais dificuldade em deslocar o ar seco que está sobre o Acre e proximidades. “Desta vez, portanto, a penetração de ar frio polar – que é o fenômeno que faz esfriar bastante – não ocorrerá imediatamente após a chegada da frente fria, mas a terça-feira já deverá registrar temperatura mínima entre 15 e 17ºC, em Rio Branco, com ventos intensos da direção sudeste”.

“Este ar polar vai continuar penetrando na quarta-feira, dia 21 de junho. Assim os primeiros três dias do inverno acreano e rondoniense – que começa por volta da meia-noite do dia 20 para o dia 21 – poderão registrar novos recordes de frio de 2017, com mínimas entre 10 e 14ºC, dependendo do lugar”, explica Friale.

De acordo com previsão, na região do Pantanal de Mato Grosso, inclusive, em Cuiabá, o frio deverá ser um pouquinho mais intenso, com mínimas entre 9 e 13ºC. Na segunda-feira, dia 19, as condições atmosféricas estarão moderadamente favoráveis à ocorrência de chuvas passageiras, com trovoadas e possibilidade de temporais isolados, devido à aproximação da frente fria.

=

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *