TARAUACÁ: EM ATO SOLENE GOVERNO DO ESTADO REALIZA AULA INAUGURAL DO PROJETO BOMBEIROS MIRIM 2017

O Corpo de Bombeiros realizou na manhã desta sexta feira, no auditório da Escola Djalma Batista, o ato solene da “aula inaugural” do Projeto Bombeiro Mirim edição, edição 2017 em Tarauacá. O encontro contou com a presença do secretário de Segurança Publica Emylson Farias, O subcomandante do Corpo dos Bombeiros, Coronel Carlos Batista, Tenente Sanderson Ferreira, Comandante do 7º BEPCIF em Tarauacá, Deputado Estadual Heitor Júnior, Coordenadora Regional de Educação Professora Francisca Aragão, Secretário municipal de Educação Rosenir Arcênio, Vereadores Janaina Furtado, Lauro Benigno e Neirimar Lima, Bombeiros Militares, Sub Comandante da PM Tenente Abreu, Diretores Escolares, familiares e 150 bombeiros mirins.
Comandante Sanderson Ferreira
O Tenente Sanderson Ferreira, Comandante do 7º BEPCIF em Tarauacá, abriu oficialmente o ato: “Sejam todos bem vindos e antecipadamente antecipamos nossos agradecimentos a todos que estão contribuindo com esse momento“, disse.
Secretário Emylson Farias
Para reduzir os indicadores de violência, um dos pontos primordiais é cuidar das crianças, que são o horizonte do Acre. É fazer com que estas crianças sejam abraçadas por valores, por princípios éticos, morais, e que estas possam abraçar outras crianças para que a gente não perca a nossa juventude para o mundo da criminalidade. Que possamos formar pessoas para conviver em harmonia na sociedade. É esse o espírito do Bombeiro Mirim”, pontuou Emylson Farias.
Subcomandante  Coronel Carlos Batista
O subcomandante do Corpo dos Bombeiros, Coronel Carlos Batista, disse que o Projeto Bombeiro Mirim no Acre tem mais de 1.500 alunos, superando os estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais. “O governo do Estado tem investido neste projeto e a tendência é dobrar este número nos próximos anos, pois o governo visa afastar os adolescentes da vulnerabilidade criminal”, ressaltou Carlos Batista.
professora Francisca Aragão
Uma grande entusiasta do projeto é a professora Francisca Aragão. Para a educadora, essa parceria entre a escola e o Bombeiro Mirim é fundamental para ensinar valores aos jovens. “Vocês sairão desta formação melhores do que entraram. Serão melhores alunos, melhores filhos e melhores cidadãos”, enfatizou Francisca.
Batismo
No final a garotada forma em colunas para receber o banho popularmente conhecido como “batismo”.
O PROJETO:
A ação tem como objetivo contribuir para a melhoria da vida da população de nossa cidade, proporcionando condições favoráveis que auxiliem na formação integral das crianças, pré-adolescentes e adolescentes de famílias em estado de vulnerabilidade social.
O curso tem duração estimada de dez meses. Nesse período, os bombeiros mirins recebem uniformes, aprendem sobre respeito, conduta, companheirismo, ordem, natação, primeiros socorros, salvamento em altura, educação de trânsito e outras atividades, tudo em ações e linguagem específicas para a juventude.
Pelo projeto, os alunos terão atividades envolvendo educação física, futebol e piscina, além de receberem noções básicas de combate a incêndios, primeiros socorros, salvamento em altura, terrestre e náutico, civismo e cidadania, respeito aos símbolos nacionais, educação no trânsito, prevenção ao uso de drogas, informática, higiene pessoal e educação ambiental. Suas atividades escolares também são acompanhadas pelos instrutores. As aulas iniciam na próxima segunda feira em 2 turnos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

=

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *