FEIJÓ: Deputado Jesus fala sobre encaminhamentos dados em Audiência Pública realizada no município

Na sessão desta terça-feira (2 de maio), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), o deputado Jesus Sérgio (PDT) falou sobre a Audiência Pública realizada em Feijó realizada na última sexta-feira (28). No encontro foram debatidas questões de interesses dos freteiros e taxistas locais: transporte de mercadorias e pessoas, fretes, regulação, aplicação de multas e penalidades.
O parlamentar agradeceu o esforço da equipe de servidores da Aleac destacados para organizar o evento e a contribuição do Diretor-geral e presidente do conselho da Ageac, Vanderlei Freitas, que compareceu levando soluções e com uma postura franca e aberta ao diálogo.
Jesus pediu desculpas por sua ausência ocorrido por motivo de força maior. Ele relatou que, embora estivesse febril e com dores estomagais, decidiu seguir, na madrugada da sexta-feira (28), com destino à Feijó, porém ao chegar no trecho do Purus, entrada de Manoel Urbano, por volta 10h, seu estado de saúde piorou e precisou regressar com parte da equipe.
“Primeiramente quero pedir desculpas à população de Feijó, pois não pude comparecer à audiência devido a um problema de saúde. Fui até Manoel Urbano, mas devido a uma febre alta resolvi não seguir viagem. Sabemos da importância da regularização de taxistas e freteiros pela Ageac. Em Feijó e Tarauacá, a maioria dos taxistas e freteiros já estão devidamente regularizados, eles entenderam que o cadastro é necessário e que o pagamento das taxas é essencial para garantir a segurança dos passageiros”, disse.
ENCAMINHAMENTOS: uma reunião sindical foi proposta pela Ageac com os freteiros, taxistas, vans e camionetes, em Rio Branco, com previsão para ocorrer dia 30 de maio, a fim de orientar e discutir pontos relativos a regularização. A reunião contará com a presença de profissionais do setor jurídico da Ageac. Enquanto isso, a Ageac concedeu uma autorização a categoria para atuarem até o dia 30 de junho. Outro encaminhamento acordado foi de que representantes da Ageac e Detran farão dia 30 de junho uma vistoria para garantir a legalização dos profissionais com pendências.
“O valor da taxa abusiva foi discutido juntamente com o diretor da Ageac, ele, inclusive, deu um prazo para que os taxistas e freteiros pudessem se regularizar. A regularização deste trabalho é importante, tanto para os motoristas quanto para os passageiros”, enfatizou.
Ângela Rodrigues
Ascom Dep. Jesus Sérgio
(68) 99994-2551
(68) 99209-7499 (WhastApp)
(68) 3213-4049 (Aleac)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *