TARAUACÁ: SESSÃO DA CÂMARA DE VEREADORES (RESUMO DA TERÇA FEIRA))

A Câmara Municipal de Tarauacá realizou, na manhã desta terça-feira (18), mais uma Sessão Ordinária de 2017. A referida Sessão contou com a presença dos Vereadores Raquel de Sousa (PT), Ezi Aragão (PT), Neirimar Lima (PDT), Valdor do Ó (PMDB), Diógenes Fernandes (PSD), Lauro Benigno (PC do B) e o Presidente da Câmara, Carlos Tadeu (PC do B).  Os vereadores Antônio Araújo (PT) e o Radamés Leite (PSB) ficaram ausentes da sessão, por estarem participando da Comissão de Avaliação do Processo Seletivo da Prefeitura de Tarauacá. Já o vereador Cacique Nasso (PC do B) encontra-se na capital paulista participando do Encontro dos Povos Huni Kuin. Durante a sessão foram aprovados por unanimidade três requerimentos, um pedido de providência e o Projeto de Lei de Nº 002/2017, de autoria da vereadora Janaína Furtado (REDE) que INSTITUI A CONTRIBUIÇÃO PARA CUSTEIO DO SERVIÇO DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
 
No grande expediente, a Vereadora Neirimar Lima (PDT) fez um apresentação, através de slides sobre as condições das Escolas Municipais da Zona Rural. Segundo, a parlamentar é um total descaso e falta de comprometimento por parte das gestões municipais que passaram, onde não tiveram a preocupação de melhorar a qualidade da estruturas das escolas municipais. “É importante lembrar, que tem  escolas na zona rural licitadas, empenhadas, e que até hoje não foram construídas”, finalizou.
 
Em uso a Tribuna o Vereador Lauro Benigno (PC do B), falou da realização da Assembleia realizado na última quarta-feira, dia 12 de Abril, onde ficou encaminhado que até quinta-feira, dia 20 de Abril, é o prazo limite que a Prefeitura tem para enviar uma resposta da negociação da Data Base Municipal para o SINTEAC. “Quero ainda, lembrar da aprovação do Projeto de Instituição dos Jogos Escolares em nosso município, entre os meses de Abril a Novembro, na zona Urbana e Rural, estamos aguardando um posicionamento da prefeita Marilete Vitorino para iniciarmos nossa programação. Sobre a apresentação da Vereadora Neirimar Lima não é uma realidade EXCLUSIVA DE HOJE, e sim, de toda a História do nosso município, não somente na zona rural, como também na Zona Urbana que foi dado uma revitalizada e climatizada na gestão do ex-prefeito, Rodrigo Damasceno. Porém, o que não dar é a Administração Municipal dizer que não vai começar as aulas por conta das condições das escolas, pois isto, NÃO É DESCULPA E INADMISSÍVEL. Vale ressaltar ainda, o avanço do IDEB no ano de 2016, com a equipe atuante da Secretaria Municipal de Educação, então a atual administração municipal tem que trabalhar para melhorar ainda mais o Ensino Municipal, com índices mais elevados”, concluiu Lauro.  
O vereador também enfatizou que não se esquiva de suas responsabilidades, de fiscalizar, de cobrar, exemplo disso, foi a respeito do Requerimento enviado ao Ministério Público solicitando a participação do mesmo, além da Câmara de Vereadores e SINTEAC, no processo de avaliação do Processo Seletivo, realizado pela a Prefeitura de Tarauacá. 
 
A vereadora Janaína Furtado (REDE) falou sobre as precárias condições e abandono do Complexo Industrial Florestal. A obra orçada em milhões de reais, iniciou em 2011, com a expectativa de gerar de emprego e renda pra muitas pessoas em Tarauacá. Janaína exemplificou ainda, sobre a maneira dos parlamentares tratarem a administração municipal passada como “SANTO” e a atual como “DIABO” ou vice-versa. Tem que ser trabalhado valorizando as benfeitorias feitas por qualquer administração e cobrar-las do que ainda não foi feito até os dias atuais.
 
Em seguida, a vereadora falou do Projeto de Lei de Nº 002/2017 que INSTITUI A CONTRIBUIÇÃO PARA CUSTEIO DO SERVIÇO DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.
 
O vereador Raquel de Sousa (PT) disse que as irregularidades nos processos seletivos, realizados pela a Prefeitura vem desde o Seletivo da EJA, o primeiro realizado pela a atual administração municipal. Hoje, temos dois vereadores nos representando na avaliação do Processo Seletivo da Prefeitura, cheguei para eles e pedi “FAÇAM O TRABALHO COM RESPONSABILIDADE E QUE VOCÊS POSSAM NOS REPRESENTAR DA MELHOR FORMA”. O parlamentar falou ainda, sobre a máquina conhecida como “PC” que se encontra há quase 4 meses abandonada no matadouro, em total abandono. ” Uma máquina no valor de R$ 800 mil abandonada, por conta de um cilindro, onde as nossa ruas estão em fase precárias, precisando urgentemente de maquinários para reconstrução, ainda mais, quando se fala de uma máquina que ainda está na GARANTIA.
 
Confira as proposições aprovados na sessão ordinária, desta manhã:
 
Do gabinete do Vereador Diógenes Fernandes (PDT) veio o Pedido de Providência N° 031/2017 que pede que a Prefeitura, através da Secretaria de Obras, faça a recuperação de todos os trapiches do bairro Senador Pompeu.
 
Do gabinete do Vereador Valdor do Ó (PMDB) veio o Requerimento de N° 035/2017 que pede a presença do Sr. Germeson Morais Lima, representante da ELETROBRÁS nesta Casa Legislativa, marcada para sessão ordinária do próximo dia 25 de Abril para esclarecer algumas dúvidas dos parlamentares sobre a cobrança de taxas e realizações de cortes de fornecimento de energia.
 
Do gabinete do Vereador Raquel de Sousa (PT) veio o Requerimento de N° 036/2017 que solicita a Prefeitura de Tarauacá, o encaminhamento a esta Casa Legislativa cópia do Termo Simplificado de Convênio da Aeronáutica, na sede da DIRENG, assinado pela prefeita durante sua viagem a cidade do Rio de Janeiro, entre os dias 1° a 05 de Abril de 2017.
 
Do gabinete da Vereadora Neirimar Lima (PDT) veio o Requerimento de N° 037/2017 pede que o Comandante da Polícia Militar de Tarauacá, Jefferson Ruiz envie um Policial para fazer a Segurança no abrigo municipal Renascer.
 
Após a sessão ordinária, a Vereadora Neirimar Lima (PDT) reuniu todos os servidores e parlamentares para presenteá-los com um Ovo de Páscoa.
 
Assecom Câmara de Vereadores de Tarauacá
=

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *